Iniciar sessão

Navegar para Cima
Instituto de Investigação
em Vulcanologia e Avaliação de Riscos
Última hora:



 Massimiliano Porreca

Massimiliano Porreca

Colaborador Externo


Data de Nascimento


21-03-1975

Nacionalidade


Italiana


Licenciado em Geologia em 2000 pelo Dipartimento di Scienze Geologiche da Universidade de “Roma Tre” (Itália), tendo efectuado trabalho na área da deformação tectónica e magnetoestratigrafia do Quaternário em sequências no Sul dos Apeninos (Itália).

Fez o doutoramento em 2004 pela Universidade de Bologna e pela Universidade de “Roma Tre” (Itália), tendo o estudo incidido sobre a aplicação de técnicas de paleomagnetismo em depósitos vulcânicos recentes do Vulcão Colli Albani (Centro de Itália).

Em 2005 trabalhou como investigador de Pós-Doutoramento no projecto “Paleomagnetic features and volcanological evolution of the Mediterranean area”, no Departamento de Ciências Geológicas da Universidade de “Roma Tre” (Itália).

Tem uma significativa experiência de campo em volcanologia, tendo efectuado, entre 2004 e 2007, o mapa de cerca de 90 km2 da área do Vulcão Colli Albani (Itália), no âmbito do novo mapa geológico de Itália ao abrigo do projecto CARG. Em 2007 esteve envolvido em trabalhos de campo no Vulcão Cerro Galan (Andes, Argentina) e no Vulcão Stromboli durante a erupção de Fevereiro-Abril de 2007, em colaboração com a Protecção Civil e com o Istituto di Geofisica e Vulcanologia (INGV).

Tem-se dedicado ao estudo dos mecanismos eruptivos e de deposição dos depósitos das escoadas piroclásticas em vários vulcões activos em diferentes ambientes tectónicos (Stromboli, Vesuvio, Colli Albani e Cimini (Itália); Cabo de Gata (Espanha), Cerro Galan e Cerro Blanco (Argentina). Tem cooperado em projectos nacionais e internacionais na área da vulcanologia e paleomagnetismo.

Tem também interesse na área da tectónica, tendo participado em projectos de investigação em Espanha, Marrocos e Itália, relacionados com a evolução geodinâmica do Terciário da região do Mediterrâneo.

Tem experiência na análise da susceptibilidade magnética anisotrópica (MAS) para inferir a direcção da escoada nos ignimbritos, nos depósitos sin e pós-eruptivos e nos diques, e na análise da magnetização termal remanescente (TRM) que permite estimar as temperaturas de deposição de grande/pequenos volumes de escoadas piroclásticas.

Actualmente está a efectuar um Pós-Doutoramento no Centro de Vulcanologia e Avaliação de Riscos Geológicos da Universidade dos Açores, com o principal objectivo de desenvolver uma abordagem integrada que permita um modelo para as escoadas piroclásticas desde a sua geração até ao sistema de transporte e deposição.

Data de Ingresso no IVAR


01-10-2009

Data de Saída do IVAR


 

Tempo de Afetação


10%

Curriculum Vitae


Pós-Doutoramento


Doutoramento


Curta Duração


Técnicos de Investigação